terça-feira, 17 de novembro de 2020

Pesquisadores confirmam transmissão de vírus raro entre humanos na Bolívia

Pesquisadores do Centro de Prevenção e Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos anunciaram a descoberta da possibilidade de transmissão entre humanos de um vírus raro, o chapare, pertencente ao grupo dos causadores de doenças como a ebola.

A confirmação aconteceu após a análise de casos registrados na Bolívia, no ano passado. Segundo o CDC, dois pacientes transmitiram o vírus para três profissionais de saúde. Um dos pacientes e dois médicos morreram.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, os casos ocorreram na capital da Bolívia, La Paz. O único outro registro de contaminação por este vírus data de 2004, na região de Chapare, também na Bolívia. “Nosso trabalho confirmou que um jovem residente de Medicina, um médico socorrista e um gastroenterologista contraíram o vírus após contato com pacientes infectados”, disse ao The Guardian Caitlin Cossaboom, epidemiologista da divisão de patologias do CDC. “Agora acreditamos que vários fluidos corporais têm potencial para carregar o vírus”.

Segundo Cossaboom, acredita-se que o vírus é carregado por ratos, que podem ter infectado os humanos. Ela disse ainda que os sintomas registrados nos pacientes foram febre, dor abdominal, vômito, sangramento nas gengivas, erupção cutânea e dor atrás dos olhos. Por não existir medicamento específico para a doença ainda, os pacientes receberam tratamentos de apoio, como fluidos intravenosos.

A descoberta foi anunciada no encontro anual da Sociedade Americana de Higiene e Medicina Tropical (ASTMH). Durante o evento, os pesquisadores disseram que é possível que o vírus tenha circulado ao longo dos anos, sem ser detectado, por ser facilmente confundido com outras doenças que causam sintomas parecidos, como a dengue. Ainda de acordo com a publicação britânica, os cientistas afirmaram que estão trabalhando para identificar novas ameaças à humanidade e que precisam estudar o vírus chapare para entender a capacidade de disseminação.

O presidente da ASTMH, Joel Breman, disse que por mais que ainda exista muito a ser descoberto sobre o vírus chapare “é louvável o quão rápido essa equipe desenvolveu um teste para diagnosticar o vírus, confirmar a transmissão entre humanos e descobrir evidências preliminares sobre o vírus em roedores”

 

Primeiro dia do PIX tem mais de 1 milhão de transações

O Banco Central informou que as transações com PIX somaram mais de 1 milhão até as 18 horas desta segunda-feira (16), dia em que o novo sistema de pagamento começou a operar de forma plena. Em valores, as transferências por meio do PIX somaram R$ 777,3 milhões, com valor médio foi de R$ 773,43. Na estreia, segundo o BC, foram registrados apenas “incidentes pontuais”.
“A avaliação do Banco Central é que o primeiro dia de operação ampla do PIX transcorreu de forma absolutamente normal, com incidentes pontuais esperados para o primeiro dia de operações amplas, e com números expressivos, comprovando a efetividade do novo meio de pagamento e o enorme interesse dos usuários”, informou o órgão por meio de nota.


Governo vê inflação maior neste ano e salário mínimo deve subir mais em 2021, para R$ 1.087,84

A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia informou nesta terça-feira (17) que elevou de 2,35% para 4,10% a estimativa de inflação de 2020 medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). O INPC baseia a correção anual do salário mínimo pelo governo. Se esse aumento previsto pelo governo se confirmar, e não houver mudança no cálculo, o reajuste do salário mínimo de 2021 também será maior do que o estimado anteriormente.

Atualmente, o salário mínimo está em R$ 1.045. Com a nova previsão para o INPC no acumulado de 2020, o valor subiria para R$ 1.087,84 no ano que vem. Esse valor está R$ 20,84 acima da última proposta oficial do governo para o salário mínimo em 2021, divulgada em agosto, de R$ 1.067. De acordo com informações do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o salário mínimo serve de referência para 49 milhões de trabalhadores no Brasil.

 

Novo Bolsa Família está pronto e deve ser lançado em dezembro, diz Onyx

O novo programa social do governo federal que irá substituir o Bolsa Família já está pronto e deve ser lançado no começo de dezembro, disse nesta segunda-feira o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

“O programa já está pronto, foi todo trabalhado, já foi apresentado ao presidente (Jair Bolsonaro), só falta o ok, e isso não tem a ver com a grana, até porque temos previsto para o ano que vem 34,8 bilhões de reais”, disse o ministro a jornalistas em evento no Palácio Guanabara, sede do governo estadual fluminense.

O ministro acrescentou que o programa social tem um orçamento próprio e deve atingir mais de 20 milhões de brasileiros de baixa renda.

“Temos um programa hoje totalmente diferente de tudo que foi feito na América, é um programa inovador que passa muito pela experiência da digitalização vista no auxílio emergencial”, disse Onyx. “Vamos fazer um encontro entre quem precisa do emprego e que tem emprego a oferecer”.

Uma das novidades do programa social será a introdução de quesitos de meritocracia para os assistidos, com o que o governo está chamando de “portas de entrada e saída”.

Ao ser questionado se o novo programa usaria o modelo de voucher para os beneficiários, o ministro afirmou que o programa dará mais liberdade e autonomia e não terá viés político eleitoral.

“Eles vão votar em que quiserem e não no candidato que montou o programa”, disse. “Tem muitas coisas para além do voucher e acho que no início de dezembro ele (Bolsonaro) nos autoriza a divulgar. A esquerda vai ter que bater palma”.

O governo ensaiou este ano o lançamento do programa Renda Cidadã, mas Bolsonaro vetou a ideia após divergências com a equipe econômica e falta de recursos.

Durante a pandemia de Covid-19, o governo federal vem concedendo o auxílio emergencial, inicialmente no valor mensal de 600 reais e depois de 300 reais), que beneficiou mais de 60 milhões de pessoas.


TSE avalia voto online ou por celular já para 2022: “Se algum dos modelos se mostrar confiável, imagino que sim, já possamos implantar em 2022”, diz Barroso


 O primeiro turno das eleições 2020 também foi marcado pelas demonstrações de sistemas alternativos às urnas eletrônicas, como os que permitem votação online ou pelo celular. O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, acompanhou algumas das propostas e não descartou uma mudança já nas Eleições 2022.

Barroso compareceu ao Colégio da Polícia Militar de Valparaíso de Goiás (GO), onde quatro empresas apresentaram seus sistemas de votação. Segundo o ministro, os estudos sobre a mudanças no sistema de votação são válidos porque outras operações que exigem mais segurança, como transações bancárias, já são feitas por aplicativo.

“A aplicabilidade ou não de um novo modelo em 2022 vai depender da segurança que possamos ter com as alternativas oferecidas. Nós temos um teste triplo: segurança, sigilo e eficiência. Se algum dos modelos se mostrar confiável, imagino que sim, já possamos implantar em 2022”, afirmou Barroso.

O presidente do TSE reforçou que as urnas eletrônicas são seguras, mas explicou que elas representam um custo significativo. Segundo ele, o país conta com 500 mil urnas e, a cada eleição, cerca de 100 mil precisam ser substituídas. Com o dólar em alta, ele avalia que o valor para a troca dos equipamentos chega a R$ 1 bilhão.

Ainda de acordo com Barroso, o modelo atual também exige, a cada eleição, uma licitação complexa que demanda muitos recursos administrativos e costuma ser judicializada, o que pode impedir a atualização das urnas a tempo das eleições, como aconteceu em 2020. “O objetivo é esse: baratear o custo da eleição digital brasileira e evitar as complexidades que a cada dois anos nós temos com o procedimento de licitação”, resumiu.

As empresas que apresentaram seus sistemas em Valparaíso de Goiás foram GoLedger, RelataSoft, Infolog e o estoniano Centro de Excelência em Defesa Cibernética. Além delas, outras 12 demonstraram suas propostas em São Paulo e 10, em Curitiba. Entre as que haviam apresentado interesse em apresentar soluções, estão Claro, IBM e Smartmatic.

TSE descarta voto impresso

Os estudos sobre votação online ou por aplicativo indicam o caminho que o TSE pretende seguir nos próximos anos. Segundo Barroso, ainda que aconteça uma mudança, o tribunal seguirá com o controle do sistema de votação. O ministro também descartou a possibilidade de um retorno para um sistema de voto impresso.

“Não podemos ter medo da modernidade. Não podemos retroagir à cédula impressa. Já descartamos essa possibilidade. Todo candidato que perder vai pedir verificação dos votos eletrônicos com as cédulas de papel e o processo eleitoral vai deixar de ser simples e seguro”, afirmou.

As propostas fazem parte do projeto Eleições do Futuro, que teve chamamento público em setembro. Após demonstração com candidatos fictícios no primeiro turno, as 26 empresas participantes apresentarão suas soluções no TSE. Em seguida, o tribunal criará uma comissão para analisar a viabilidade dos sistemas.

*Terra, com informações de CNN Brasil e Correio Braziliense

Detran divulga lista com quase 400 suplentes do CNH Social. Confira!

O Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES) divulgou nesta segunda-feira (16), a lista única de suplentes da segunda fase do programa CNH Social 2020. Os candidatos inscritos que não foram selecionados na primeira lista devem ficar atentos para essa convocação no site www.detran.es.gov.br.

Nesta nova oportunidade, 381 candidatos suplentes poderão obter a primeira habilitação, adicionar ou mudar categoria de forma totalmente gratuita. Os futuros condutores devem respeitar os prazos de matrícula e das demais etapas do processo de habilitação.

“A lista de suplentes é mais uma oportunidade que abrimos para beneficiar o máximo possível de candidatos e preenchermos as vagas remanescentes com vistas ao aumento da efetividade do programa CNH Social. A matrícula é on-line e todo o processo respeita as medidas com a Secretaria da Saúde (Sesa), sem colocar em risco candidatos, credenciados, examinadores e servidores. Para isso, é fundamental também que o candidato cumpra com os procedimentos necessários para proteção, como o uso de máscara e respeito à etiqueta respiratória”, salienta o diretor geral do Detran|ES, Givaldo Vieira.

As vagas disponibilizadas na lista de suplentes são aquelas que não foram preenchidas pelos candidatos selecionados devido ao não cumprimento dos prazos estabelecidos para o andamento do processo de habilitação e foram desclassificado.

A matrícula deve ser feita de forma on-line no site www.detran.es.gov.br na opção “CNH Social” dentro do prazo de 30 dias a partir da divulgação. Os candidatos selecionados devem preencher os dados solicitados na área de “Matrícula online”. Dessa forma, terão acesso à informação de em qual Centro de Formação de Condutor (CFC) deverão realizar a abertura do seu processo de habilitação, bem como os documentos necessários para dar início ao processo.

Os candidatos também devem se atentar aos prazos estabelecidos para cada etapa do processo de habilitação como: dirigir-se ao CFC presencialmente, agendar a coleta biométrica em uma unidade do Detran|ES, solicitar o Exame Toxicológico no laboratório credenciado (no caso de candidato a categoria D ou E) e concluir os Exames Médico e Psicológico na clínica indicada. O candidato que não respeitar os prazos estabelecidos será desclassificado e perderá o benefício.

Seleção

A lista com os candidatos selecionados para as 4.500 vagas disponíveis na segunda fase do programa CNH Social foi divulgada no dia 13 de outubro de 2020. Os inscritos foram selecionados segundo os critérios previstos no Decreto Estadual Nº 4423-R, de 03 de maio de 2019, que considera menor renda per capita, maior número de componentes no grupo familiar, candidatos com Ensino Fundamental completo, beneficiário do Bolsa Família e data e hora de inscrição. Entre os candidatos que se declararam Pessoas Portadoras de Deficiência (PCD), foram contemplados somente aqueles cuja deficiência não impeça a obtenção da CNH, na forma da legislação de trânsito vigente. 

Governo Federal lança o cartão de saúde do caminhoneiro

O Ministério da Saúde lançou Cartão de Saúde do Caminhoneiro , que será utilizado para registro das informações clínicas dos condutores pelos profissionais de saúde. 

Por ser uma categoria com perfil de trabalho itinerante, o documento chega para facilitar o acompanhamento de saúde dos caminhoneiros em qualquer unidade de atendimento à saúde da Atenção Primária seja pública ou privada.

Pelo documento, o motorista é orientado a cuidar melhor da sua saúde com dicas de alimentação balanceada e como adotar um estilo de vida saudável, mesmo estando a maior parte do tempo na estrada e longe de casa. 

Juntamente com os profissionais de saúde, o condutor consegue acompanhar a avaliação do seu estado de saúde, como verificação  de pressão arterial e peso, medicamentos em uso e a lista das vacinas já realizadas.


PRF encerra Operação Eleições 2020 no Rio Grande do Norte

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, neste domingo (15/11), a Operação Eleições 2020, que teve seu início na quinta-feira (12/11). No entanto, desde o início da semana a PRF realizou ações integradas com o Ministério Público Estadual e Justiça Eleitoral, além de atuações operacionais nas rodovias federais. Durante as ações de combate a crimes eleitorais, situações irregulares foram flagradas nos municípios de Assu, Upanema, Bom Jesus e São Fernando.

Entre as irregularidades mais constatadas estão o transporte de eleitores, transporte de valores que sugeriam que seriam utilizados na “compra de votos”, material de campanha irregular e lista de eleitores com marcações com indícios de fornecimento de vantagens em troca do voto. Mais de 12 mil reais foram apreendidos e seis pessoas foram presas no estado pela PRF por crimes eleitorais.

A PRF também intensificou o policiamento nos principais corredores de transporte de pessoas e cargas no estado, com a finalidade de realizar o enfrentamento a outras modalidades criminosas, e também inibir as condutas dos condutores que mais contribuem para a incidência de acidentes graves.

Durante o período da Operação, mais de três mil pessoas e veículos foram fiscalizados. Foram realizados mais de 100 testes de bafômetro, sendo duas pessoas presas por embriaguez ao volante. Foram registrados 18 acidentes, os quais cinco de natureza grave e uma pessoa morreu.



 

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

RN registra 02 óbitos e sete novos casos por covid nas últimas 24 horas

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (16). Foram 07 novos casos confirmados, totalizando 83.653.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 2.643 no total, sendo 02 duas mortes nas últimas 24 horas. Em investigação estão 387 mortes.

Casos suspeitos somam 38.619 e descartados 203.406. Recuperados são 47.160.

 

COVID: Brasil registra 379 óbitos e 14 mil novos casos no domingo (15)

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil até as 20h do domingo (15):

– Registro de 379 óbitos ocorridos nos últimos 3 dias, segundo o Ministério da Saúde, totalizando 165.798 mortes;

– Foram 14.134 novos casos de coronavírus registrados até as 20h do domingo (15), no total 5.863.093 pessoas já foram infectadas.

– O número total de recuperados do coronavírus é 5.303.114, com o registro de mais 11.603 pacientes curados. Outros 394.181 pacientes estão em acompanhamento.




Carnaúba dos Dantas elege primeira trans vereadora do RN

O município de Carnaúba dos Dantas elegeu Thabatta Pimenta como vereadora, a primeira mulher transexual eleita do Rio Grande do Norte.

Thabatta, que se tornará parlamentar do município, se candidatou pelo PROS e recebeu 267 votos, o suficiente para lhe garantir uma cadeira no legislativo municipal.

Em sua página no Instagram, Thabatta agradeceu os votos: “Obrigada, Carnaúba dos Dantas. Vocês acabam de eleger a primeira mulher trans vereadora do Rio Grande do Norte”, escreveu ela.

Tribuna do Norte via Jair Sampaio

 

Eleitor tem até 60 dias para justificar ausência nas eleições

Quem não compareceu às seções eleitorais neste domingo (15), dia do primeiro turno das Eleições Municipais de 2020, tem até 60 dias para justificar a ausência junto à Justiça Eleitoral. Para tanto, é preciso levar documentação que comprove por que não foi possível participar do pleito.

A justificativa pode ser feita pelo aplicativo e-Título; pelo Sistema Justifica, acessível via internet; ou ainda entregando um Requerimento de Justificativa do Eleitor em qualquer zona eleitoral, sempre acompanhado do documento que comprove a ausência. É possível ainda enviar o requerimento por via postal ao juiz da zona eleitoral em que está inscrito.

Para saber a zona eleitoral à qual está vinculado, o eleitor deve entrar em contato com o Tribunal Regional Eleitoral do seu estado ou fazer a consulta no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Caso o eleitor não compareça no segundo turno, marcado para o dia 29 deste mês, ele terá até o dia 28 de janeiro para estar quite com a Justiça Eleitoral.

Portal Grande Ponto


Gilson Dantas foi reeleito prefeito de Carnaúba dos Dantas-RN


 Gilson Dantas foi reeleito prefeito do município de Carnaúba dos Dantas-RN, que agora tem como vice-prefeito Luiz Eduardo ambos do MDB.

Gilson Dantas obteve 2.933 votos 59,24%

Nana Medeiros obteve 2.018 votos 40,76%

A maioria de Gilson Dantas foi de 915 votos

Votos nulos 195 

Abstenção 601

Votos brancos 67

Eis os vereadores eleitos no município de Carnaúba dos Dantas:

Dué obteve 465 votos

Gilvan Peixe 435 votos

Marcelo 358 votos

Marli 310 votos

Clésio 310 votos

Lucinho 263 votos

Bárbara 260 votos

Thabata Pimenta 256 votos

José Evangelista 229 votos

1º Suplente da Coligação MDB Marfran que obteve 212 votos

1º Suplente da Coligação PROS, PSC e PT Fabiano Pacômio que obteve 245 votos

Fonte: Blog do Toscano Neto

domingo, 15 de novembro de 2020

Justiça Eleitoral disponibilizará três plataformas para que o eleitor confira a apuração

A Justiça Eleitoral disponibilizará três plataformas onde será possível acompanhar a apuração e divulgação dos resultados do pleito de 2020, no dia 15 de novembro. Tratam-se do aplicativo Resultados, do site Divulga Web e do Sistema Divulga.

O Secretário de Tecnologia da Informação e Eleições do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), Marcos Maia, conta como vai acontecer a divulgação dos resultados, cuja apuração terá início a partir das 17h no dia do pleito.

“O padrão é que cada mídia, retirada de cada urna eleitoral, seja transportada para as Zonas Eleitorais para a totalização. No entanto, para agilizar o processo, o TRE-RN irá colocar 237 pontos descentralizados a mais para receber as mídias e transmiti-las”, afirma Marcos Maia. Confira como vai funcionar cada uma das alternativas para acompanhamento da apuração:

O aplicativo ‘Resultados’ está disponível para Android e iOS, e apresentará a contagem de votos de acordo com os boletins divulgados pela Justiça Eleitoral. Por ele, será possível a visualização de consulta nominal para cada candidato, com a indicação dos eleitos. Nestas eleições, o aplicativo mostrará inclusive as fotos de todos os candidatos que disputam as eleições.

 

Brasil vai às urnas para eleger prefeitos e vereadores

Eleitores de todo o país vão às urnas hoje (15) no primeiro turno das eleições municipais. Mais de 147 milhões de pessoas estão aptas para eleger prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. Entre as capitais, apenas em Macapá e em Brasília não há eleição neste domingo. A capital amapaense, por causa de problemas com fornecimento de energia elétrica, e a capital federal, porque não tem prefeito, nem vereadores.

No pleito deste ano, 19 mil pessoas são candidatas ao cargo de prefeito e de vice-prefeito em todo o país. Concorrem ao cargo de vereador 518,3 mil candidatos. Devido à pandemia da covid-19, um protocolo sanitário foi elaborado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com medidas preventivas para eleitores e mesários.

A primeira recomendação é para que os eleitores que estiverem com sintomas da covid-19 não compareçam aos locais de votação. A justificativa de falta não será feita presencialmente para evitar aglomerações. Pelo aplicativo e-Título, que pode ser usado em qualquer smartphone, será possível fazer a justificativa sem sair de casa.